Fotografia: BSB

🔉 Fazem hoje 221 anos e Ricardo Rio deixou uma mensagem

“Companhia da Bomba” nasceu em 1799.

Nuno Cerqueira
8 Jun 2020

A Companhia de Bombeiros Sapadores de Braga completa hoje 221 anos de existência.

Foi no dia 8 de junho de 1799, que D. João VI concedeu provisão «aos pedidos do Juiz de Fora, Vereadores, e Procurador da cidade de Braga» que «desejando obviar a que os Incêndios, muitas vezes acontecidos nesta Cidade, não chegassem de todo o reduzir a cinzas as casas incendiadas, os bens, e famílias que dentro delas habitam, mandaram… …comprar em Londres uma Bomba, de grande preço, para acudir aos ditos Incêndios, e tem instituída uma Companhia de cem homens».

O presidente da Câmara de Braga, Ricardo Rio, esteve à conversa com este jornal e deixou uma mensagem de felicitações.

«Braga tem uma estrutura que a todos deve orgulhar», refere Ricardo Rio, que destaca na “Companhia”, para além da dimensão física com a construção do novo quartel, «a dimensão humana na qualificação, recrutamento e igualdade género», afirma o edil de Braga.

E assim nasceu a “Companhia da Bomba” que ao longo dos anos foi sofrendo diversas remodelações, designando-se em 1858 por “Companhia de Incêndios”, em 1910 com a implementação da República, passa a designar-se de “Corpo Salvação Pública”, em 1929 nova mudança e a companhia passa a ser conhecida por “Corpo de Bombeiros Municipais” e, finalmente, em 1981 adota a atual designação de “Companhia de Bombeiros Sapadores de Braga”.

Os Bombeiros Sapadores de Braga são comandados por João Felgueiras, e o adjunto técnico Nuno Machado, oficial bombeiro, oriundo da corporação de Celorico de Basto.





Notícias relacionadas


Scroll Up