Fotografia: DR

Barcelos acolhe Festivais Escutistas da Região de Braga no dia 1 de maio

Festivais Regionais da Junta Regional de Braga do CNE

Francisco de Assis
28 Abr 2021

Os Festivais Regionais da Junta Regional de Braga do Corpo Nacional de Escutas (CNE) estão de volta à cidade de Barcelos. Assim, no próximo dia 1 de maio, durante todo o dia, vários núcleos locais da Arquidiocese de Braga vão poder mostrar o melhor do escutismo, ainda que em versão online, por causa da pandemia.

O tema desta edição 2021 é “Ser +” inspirado no exemplo de vida de Carlo Acutis, jovem italiano falecido com apenas 15 anos, vítima de leucemia e que morreu com fama de Santo. “Um gênio da ciência da computação”, considerado também “um apóstolo da internet”.
Segundo a direção, liderada por Catarina Miranda, Chefe Regional de Braga do CNE, com esta edição e o tema “Ser +” pretende-se incentivar e despoletar a descoberta de novos talentos através da promoção da criatividade e originalidade.
Ainda segundo a Junta Regional, este evento de manifestação artística pretende promover os diversos talentos de escuteiros de várias idades.
«Barcelos, Braga, Cego do Maio, Fafe, Famalicão, Guimarães, Póvoa de Lanhoso e Vieira do Minho são os núcleos representados pelo elevado número de participantes que, ano após ano, marcam presença nesta competição», refere a organização, apontando aos objetivos.
A Junta explica que, de forma a assegurar a diversidade de criação tão caraterística do movimento escutista, os Festivais Regionais oferecem um vasto leque de concursos de diferentes tipologias: o Concurso de Fotografia Escutista, 8.ª edição; o Concurso de Peças de Fogo de Conselho, 7.ª edição; o EScurtas – Festival Escutista de Curtas-Metragens, 14.ª edição; o Festival Monsenhor Américo, 22.ª edição); e, ainda prestes a estrear, o Concurso EStalento.

Reforçar a unidade
e fraternidade
Segundo a Junta Regional de Braga do CNE, mais do que nunca, para além da possibilidade de dar a conhecer as habilidades dos participantes, este evento pretende apelar à unidade regional e fraternidade escutista, que hoje encontram também um grande desafio face à pandemia instalada.
Por outro lado, tendo em conta o risco e complexidade do momento que o país e o mundo atravessam, será adotado um formato totalmente online, não contando assim, pela segunda vez, com a presença do habitual público.
A transmissão dos Festivais será aberta a todos, sendo por isso feita através da conta de Facebook CNE – Região de Braga.

Hoje realiza-se
o segundo poso
do Raide Noturno
Entretanto, é já hoje à noite, das 21h30 e as 23h00 que se realiza o segundo posto do Raide Noturno, e será dedicado à temática “A saúde dos nossos escuteiros: Para onde olhar?”
O alerta é dado aos chefes na página do CNE – Região de Braga, onde estão também o código e a senha para se entrar na reunião, via zoom.





Notícias relacionadas


Scroll Up